03 setembro 2009

Avaí, um exemplo para os clubes cariocas!



Olá amigos blogueiros, já que não temos muitas novidades sobre o Vascão, resolvi fazer um post sobre o surpreendente Avaí para não ficarmos repetindo matérias aqui no blog. Espero que vocês gostem, pois apesar de sermos todos vascaínos, tenho certeza de que, assim como eu, vocês gostam também de discutir sobre outros assuntos relacionados ao meio do futebol. Escolhi falar do Avaí porque é um clube que acompanho desde o início do ano, cheguei até a fazer uma matéria para o blog do Lédio Carmona sobre ele (vejam). Explicado o motivo do Avaí está sendo o assunto em um blog vascaíno, vamos à matéria:

Começa o Brasileirão 2009 e com ele surgem milhares de previsões que davam conta de que o Avaí seria um dos quatro rebaixados para a segunda divisão do Brasileirão. Apesar de ter iniciado ano com o título do campeonato catarinense, o elenco avaiano não enchia os olhos de ninguém, nem mesmo da sua apaixonada torcida, que já ficaria muito satisfeita se o Leão se mantivesse na Série A.

As rodadas foram passando e os maus resultados seguidos iam deixando a torcida avaiana com a certeza de que seria muito difícil o Leão escapar do rebaixamento. A situação era tão ruim, que após uma derrota para o Botafogo na Ressacada, o técnico da equipe Silas chegou a entregar o cargo. Mas demonstrando ser uma diretoria diferente da maioria dos clubes brasileiros, a diretoria avaiana não aceitou a demissão do treinador e o garantiu que o manteria no cargo mesmo em caso de rebaixamento. Tal atitude deixou o treinador e o elenco mais tranqüilos e crentes de que a diretoria confiava no trabalho de cada um.

Eis que a solução encontrada pela diretoria (a permanência de Silas e a confiança demonstrada para com o grupo de jogadores) foi o combustível que faltava para a equipe engrenar no Brasileirão e iniciar uma belíssima arrancada no campeonato. Apoiado por sua torcida, que lotava a Ressacada a cada partida, a equipe avaiana em poucas rodadas deixou de ser um clube candidato ao rebaixamento para passar a ser a maior sensação do Brasileirão 2009.

http://1.bp.blogspot.com/__Wv5C4hYr-s/Sn9wNFnP9eI/AAAAAAAACsg/pkZWKbMNeWk/s400/muriqui.jpghttp://3.bp.blogspot.com/_ohrch0d0yf8/Sj-OEnSbNwI/AAAAAAAACX0/G-YfuT0SP7Y/s400/avai+leo+gago+gol.jpg

Jogadores como Marquinhos, Muriqui, Léo Gago e Eduardo Martini ganharam confiança e passaram a jogar tudo que não haviam jogado em toda sua carreira e deram tranqüilidade para jovens como Medina, Eltinho, Uendel e Ânderson se firmarem e se tornarem destaques da equipe e revelações do campeonato.

Muitos perguntam qual foi o segredo da equipe do Avaí para ter conseguido se manter por incríveis doze jogos sem perder no Campeonato Brasileiro. Eu particularmente não sei segredo, mas suspeito que a permanência de Silas tenha sido fundamental para essa arrancada. Lembro-me de que antes do começo do campeonato cheguei a afirmar por várias vezes que o Avaí iria surpreender na competição e fui por diversas vezes motivos de gozações por parte de amigos e blogueiros que duvidavam da força da equipe avaiana.

Não sou torcedor avaiano e sim vascaíno, portanto não estou elogiando o Avaí só por elogiar e sim por desde o início do ano ter adotado o Avaí como o clube que eu iria torcer nessa Série A. Acompanhei o Avaí no campeonato estadual e sigo acompanhando nesse Brasileirão, por isso posso falar. Garanto que não é pelo fato de eu não gostar desse ou daquele clube que eu adotei o Avaí, mas pelo fato de eu enxergar no Avaí uma coisa que falta a maioria dos clubes brasileiros: humildade. A pior coisa do mundo é você saber que não tem potencial para fazer uma coisa e falar que pode. Um exemplo maior disso é o próprio Vasco, que durante anos ficou tentando iludir seu torcedor dizendo que ia entrar no Brasileiro para ser campeão sabendo que nunca conseguiria.

http://1.bp.blogspot.com/_7rO7du1BOvI/SnGcWsbjoFI/AAAAAAAABkQ/yxwUo9AEjP0/s320/silas-avai.jpg

Não sei se o Avaí vai manter essa bela campanha (chegou até a fazer parte do G4) ou não, a única coisa que sei nesse momento é que ele deu um belo exemplo aos outros clubes brasileiros quando manteve Silas. Exemplo esse que deve servir de exemplo para todos os grandes clubes, que não cansam de demitir treinadores, idem o Fluminense que com a demissão de Renato Gaúcho já somou a incrível marca de quatro técnicos demitidos em 2009.

Parabéns ao Avaí por mostrar a maioria dos clubes grandes do futebol brasileiro que com trabalho, humildade e seriedade qualquer um pode chegar longe!

Parabéns Avaí!!

Abraços, Carlos Junior

9 comentários:

  1. Se vê como as coisas são, no Avaí não há um craque, nenhuma estrela, nenhum jogador que se destaque. Mas há sim uma equipe unida em prol de um objetivo, a conquista de uma vaga na Libertadores, se não der, que seja na Sul-Americana.
    Nem o técnico deles o Silas era considerado de ponta antes de seu trabalho no Avaí.
    Parabéns a Diretoria Avaiana.
    Abraço
    Jeferson

    ResponderExcluir
  2. Bom, até eu que além de vascaina, sou torcedora do Avaí, me surpreendi com o time. No começo, nem mesmo a torcida acreditava muito no time. Mas realmente, o time surpreendeu a todos, principalmente os outros times, que viam o Avaí como o time fraquinho, time de série B.
    Mas o Leão mostrou que tem força de vontade e humildade, o que levou a essa campanha ótima que tá fazendo.
    Parabéns Avaí

    Parabéns pela Matéria Carlos!
    =)

    ResponderExcluir
  3. Excelente post!! Parabens!

    O Avaí é um exemplo perfeito para os clubes não só do Rio de Janeiro como de todo Brasil.

    Mostrou que possui planejamento, ao garantir o técnico Silas no cargo mesmo quando a torcida pedia sua cabeça.

    O time é modesto, mas entrosado. A aposta feita no trabalho da comissão técnica vem colhendo seus frutos.

    Que isso sirva de exemplo para os Cariocas, que adoram apostar nas mesmas figurinhas carimbadas, como Cuca e Renato Gaúcho.

    ResponderExcluir
  4. Visite também o Rio Futebol, se puder!

    Grande abraço,

    Leonardo Resende
    Rio Futebol
    http://riofutebol.blogspot.com
    adm.riofutebol@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. tbm torço pelo avaí na série A, torci semrpe p\ ele subir quando tava na B.Parabéns pela matéria e Parabéns Avaí

    ResponderExcluir
  6. É Jéfferson, pra você vê como são as coisas. Antes de fazer esse post tava dando uma olhada sobre as previsões da revista placar e da revista brasileirão do globoesporte.com. Nelas o Avaí era apontado como um forte candidato ao rebaixamento e o fluminense, por exemplo, como um forte candidato ao título. As coisas mudaram muito de lá pra cá...

    Abração

    ResponderExcluir
  7. Fala Laís, tudo bem com vc amor?

    É, eu sou testemunha de como vc realmente não esperava essa campanha do Avaí. Me lembro claramente de um dia em que nos conversavamos no Msn e vc me dizia que se o time já conseguisse se manter na Série A seria lucro. Olha onde eles estão agora... o mundo dá voltas!!

    Bjao Guriia mais linda de SC!!

    ResponderExcluir
  8. Fala Leonardo, pode deixar que vou passar lá outra vez sim, nem precisa pedir.

    Sobre o ponto que você levantou sobre figurinhas carimbadas como do Renato e do Cuca, eu afirmo que o maior problema não são nem os treinadores em si e sim as figurinhas carimbadas que comandam o clube a anos. O Fluminense que pague seu preço agora, pois o Vascão já pagou e parece ter aprendido a lição!

    Abração

    ResponderExcluir
  9. Fala Daniel, quanto tempo não vejo um comentário teu por aqui hein?! Anda tudo beleza com vc?

    É, creio que assim como eu e vc, a maioria dos dos vascaínos torce por uma bela campanha do Avaí. Não tenho dúvida disso!!

    Abração parcero

    ResponderExcluir