01 janeiro 2006

Marcel Ortolan- Atacante

Biografia (Fonte: Site Oficial do Marcel Ortolan)

Marcel Augusto Ortolan é atualmente, aos 28 anos, um conceituado atacante do futebol brasileiro. Daqueles que já não deixam dúvidas, de quem não há por que desconfiar. Fez por isso. Já jogou em três continentes e em todos se revelou um artilheiro diferenciado, de força e técnica, de alma e coração, capaz de virar partidas, de entusiasmar torcidas. Ainda ligado ao Benfica-POR, maior clube do país-irmão e um dos históricos do planeta, Marcel representa, por empréstimo, outro gigante, outro time apaixonante: o Santos, o Santos de Pelé, do Rei Pelé.

Recuando, a bola é de família. O seu pai é Marco Ortolan, um antigo goleiro do Atlético-MG e de vários clubes paulistas. Já o talento é nato. Após jogar futebol de salão e passar para o de campo, no time da sua cidade, Mirassol, interior de São Paulo, Marcel foi para o Coritiba, onde não só exibiu toda a categoria como atingiu um patamar apenas ao alcance dos predestinados: vestiu o manto sagrado da canarinha, em 2003, chamado pelo insuspeito Ricardo Gomes. E com quem fazia dupla na frente? Com Robinho. O próprio. Que agora reencontrou na Vila Belmiro.

A visibilidade – e os 32 gols marcados nesse ano pelo Coritiba – levou-o para o exterior, seduzido por um contrato irrecusável do Suwon Samsung Bluewings, da Coréia do Sul. Irrecusável também... para o Coxa, que o negociara ainda durante o pré-olímpico. A Oriente, mais do mesmo, gols atrás de gols. E a projecção internacional, para a Europa. A Académica, um dos times mais antigos de Portugal e seguramente o mais tradicional, contratou-o, por três anos e meio, naquela que foi a transferência mais cara da sua longa história (cerca de dois milhões de euros.

Marcel, porém, apenas ficou um. É que só no primeiro turno do Português de 2005/06 marcou nove gols e o Benfica já não o deixou escapar, pagando 3,5 milhões de euros. Do clube de Eusébio e Rui Costa, o atacante regressou ao Brasil, por empréstimo, para representar o São Paulo. Seguiu-se o Grêmio, depois o Cruzeiro, novamente o Grêmio (com 12 gols e nove assistências) e um regresso ao Oriente, para jogar no Vissel Kobe, do Japão. Este ano, foi repatriado pelo mítico Santos. O objetivo é o mesmo de sempre, a qualidade uma certeza, o carisma irrepreensível. Marcel é gol. Gol é Marcel.

Títulos

2003 Coritiba

Campeão do Estadual Parananense (invicto)

Artilheiro do Paranaense (12 gols)

2004 Suwon Samsung Bluewings

Campeão da Coréia do Sul

2007 São Paulo

Campeão da Série A do Brasileirão

2008 Cruzeiro

Campeão do Estadual Mineiro

2008 Grémio

Vice-campeão da Série A do Brasileirão

2010 Santos

Campeão do Estadual Paulista

2010 Santos

Campeão da Copa do Brasil

Vídeos


6 comentários:

  1. Paulo Sergio de Araujo5 de dezembro de 2010 11:21

    Só uma pergunta...:
    Quem escreveu o texto sôbre este "fantástico atacante" (que "não fica" em nenhum time)...?
    Foi o pai ou a mãe dele...?

    ResponderExcluir
  2. Isso está presente no Site Oficial dele...

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. E eu sei voar! Poupe-me! Espero está errada!

    ResponderExcluir
  4. Rafael Moura, todos sabem disso!!

    ResponderExcluir
  5. porrA D MARceL MEU´z oh DIREtoriA P Num saber CONtratar... pioR D QUe elE SÓ SOUza msM AQUELe mzr... tendO OPÇÕes comO FELIpe(goiás), R. MOURa(goiÁS), CIRo(sporT), MAYkoN LEIte( dispensadO D ATLET... ) ELES pensaM EM TRAZer 1 porra q maL´Z ERA TITULAR d santOS E Q O UNICo timE Q JOGOu maiS OU MenOS FOi no coriTIBA ONde foi reveladOO... É FODa msm...

    ResponderExcluir
  6. não cho o marcel uma boa diretoria vcs tem que pensar grande como o nosso clube tragam o luis fabiano todos os time do rio tem grandes goleadores só a gente fica penando com esses perebas arrumem um parceiro e tragam um nome de peso todos sabem que o urubu é o maior devedor do futebol brasileiro e os caras estão tentando o forlan eles querem simplesmente o craque da copa e tambem estão com o caixa zerado mas poroutro lado tem criatividade vamos ter mais atitude ou vamos continuar vendo os rivais ganhando titulos e a gente passando vergonha ATITUDE E CORAGEM essas são as palavras de ordem para clubes que pensam grande.

    ResponderExcluir