25 outubro 2010

Entrevista Exclusiva com Diogo, a nova jóia de São Januário

Carlos Gregório Júnior (@CarlosGregJr)
Luana Saud (@LuanaSaud)


Diogo em ação pela primeira vez no time profissional

Ele fez sua estréia com a camisa vascaína no último domingo no primeiro “Clássicos dos Milhões” da história do Estádio João Havelange, popularmente conhecido como Engenhão. Em dia de homenagens ao Rei Pelé e de arbitragem que gerou reclamações, foi o jovem Diogo de 18 anos que roubou a cena.

Alçado para o time profissional após ter realizado apenas quatro jogos pela equipe de Juniores, o garoto nascido em Terra Nova do Norte, no Estado do Mato Grosso, superou o nervosismo e justificou a aposta do técnico do PC Gusmão. Apesar de ter ido bem, Diogo para grande parte da torcida vascaína ainda é um desconhecido.

E foi justamente buscando apresentá-lo para a torcida vascaína, que entramos em contato com ele no último dia 21 de outubro. A conversa durou aproximadamente três horas e ao longo dela o jovem jogador não se cansou de repetir a palavra “sonho” ao ser perguntando sobre o que pensava do momento que estava prestes a viver. Nesse bate-papo, que você poderá na íntegra abaixo, Diogo, que chorou no vestiário após a estréia, fala sobre sua carreira, suas características, sobre suas perspectivas para o futuro e diz que quer fazer história com a camisa do Vasco.

Confira na íntegra a primeira entrevista concedida pelo jovem lateral-esquerdo:

Fale um pouco sobre o início da sua carreira, por onde você passou até chegar ao Vasco, qual é a situação do seu contrato e como foi sua adaptação ao clube e ao Rio de Janeiro.

Meu primeiro clube foi o Goiás, fiquei lá por quatro anos e depois fui pro Vila Nova de Goiânia, onde fiquei até junho ou julho, não sei bem. No início do ano, eu disputei a Copa São Paulo por ele, então o Vasco me viu e me contratou. Estou aqui tem uns quatro ou cinco meses. Quando eu cheguei aqui, tive um pouco de dificuldade por estar longe da família, não conseguia treinar bem, mostrar o meu futebol... Pensei até em ir embora! Mas meu empresário teve uma conversa bastante produtiva comigo, e eles deram uma folga de 1 semana depois do Campeonato Carioca conquistado por nós! Aí recebi apoio da minha mãe do meu irmão, eles conversaram muito comigo. Voltei aos treinamentos, parece que renovei todas minhas forças em casa com minha família, voltei treinando muito bem e comecei a jogar. Meu 1º jogo foi pelo brasileiro sub-23, comandado pelo treinador Gaucho, e foi contra o Atlético Mineiro. Ganhamos de 1x0 e fiz uma boa partida, e fui ganhando a confiança do técnico dos juniores, Galdino, e do Gaucho, que é o treinador do sub-23.

Quais são as suas principais características dentro de campo? E fora de campo, quais são as pessoas que mais tem apóiam?

Minhas principais características são a velocidade e uma boa qualidade técnica. Com certeza as pessoas que mais me apóiam desde garoto são meu irmão e uma grande guerreira que é a minha MÃE!

Qual seu maior objetivo no futebol? Gostaria de fazer história num clube como o Vasco ou seguiria o sonho de ir para a Europa numa oportunidade? Qual é o clube dos seus sonhos?

Acho que qualquer jogador tem como meta, como sonho chegar à Seleção Brasileira, né... Seria pra mim uma honra e um sonho fazer história num dos maiores clubes do Brasil e do mundo! Eu penso assim, sempre um passo de cada vez! Quero tentar fazer minha historia aqui no Vasco, Europa vai ser conseqüência do meu trabalho aqui no Vasco! Mas um clube onde gostaria de ter a oportunidade de jogar seria o Barcelona.

Qual jogador do futebol brasileiro e do futebol mundial você gosta de ver jogar? Qual é o seu maior ídolo na vida e no futebol? Com quais jogadores te comparam?

Por tudo que fez no futebol, sem dúvidas, é o Ronaldo Fenômeno. Meu maior ídolo na vida é minha mãe, uma pessoa guerreira! E, no futebol , o Ronaldo, por tudo que passou e ainda conseguiu dar a volta por cima. Na posição tenho muitos, Roberto Carlos, André Santos e gosto muito do Fágner aqui do Vasco. Sempre vi os treinos e jogos dele, e virei fã.

Sabendo que o Felipe fez história no Vasco, desde a base, e o Ramon hoje é um dos jogadores mais queridos pela torcida, como você se sente tendo a oportunidade de conviver com eles nos treinos? Costuma conversar com eles?

Poxa, ainda não tive a oportunidade de falar com o Ramon, nem treinar, por causa da sua lesão. Mas é um jogador de muita qualidade, e sei que vou aprender muito com ele! Já o Felipe tem conversado comigo, me orientando e me dando conselhos. Hoje (21/10) ele falou comigo, porque to na expectativa de ir pro jogo, e ele me passou segurança, me deu apoio. O Felipe me disse que ele teve a oportunidade com a mesma idade que estou hoje e foi logo num clássico, assim como pode ser comigo, e me deu bastante conselho. Nossa, treinar ao lado dele é algo diferente, viu? Grande jogador!

Qual o seu ídolo no atual elenco? É o Fágner a quem você se referiu acima? Já teve a oportunidade de conversar com ele?

Ah é o Felipe, sem dúvidas! Na minha posição, gosto do Fagner. No treino que teve ontem (20/10), ele falou comigo, me deu umas orientações no próprio treino.

Você ainda não teve oportunidade de jogar contra o Flamengo... Nesse tempo aqui no Vasco, já deu pra sentir o quanto esse clássico representa pro clube? Acha que a pressão da estréia aumenta por causa disso?

Pois é, ainda não tive essa oportunidade. Mas todo mundo sabe que esse é um dos maiores clássico do Brasil e hoje tem mais importância porque o Vasco tá na briga pra entrar no g4... Mas to tranquilo, o PC e os jogadores estão me dando apoio e segurança. E como eu falei, esse vai ser o jogo da minha vida, é o jogo que eu tenho que me mostrar... E nada melhor que um clássico, né?!

Você mora no alojamento do Clube. Como é o ambiente aí? Já se enturmou com os meninos? Com quem você costuma falar mais?

Ah, é muito bom , você ri muito, viu... Tem cada figura engraçada! Com certeza é com o Washiton Tomaz dos juniores, até porque ele é do meu quarto! hahahaha

Saindo um pouco do lado do futebol, nos diga quem é o Diogo. Quais as suas preferências? Onde você nasceu, com quem cresceu, quais seus melhores amigos, teus espelhos?

Nasci em uma cidade do interior do Mato Grosso, mas desde criança vivo em Goiânia. Quem sempre cuidou de mim foi minha mãe, sempre morei com ela e com meu irmão. Meus melhores amigos são eles, tudo que preciso falo com eles... Quando preciso de conselho, falo com ela, ninguém melhor que ela! Mas tenho dois amigos que vão me ver toda vez que vou a Goiânia, que sã o Bruno Soldan e o Jonathan, esses são amigos! Gosto de ouvir música gospel e um bom pagode. Hahahah Filme, gosto aqueles de ação, muita pancadaria! Hahah Nas horas vagas, costumo ir pro shopping com os amigos, jantar, ir a praia... Também ficar em casa, de bobeira vendo filmes.

Se você tiver a oportunidade de entrar em campo, já pensou no que vai fazer pra se manter no time depois do jogo contra o Flamengo, sabendo que o Ramon já está quase voltando?

Poxa, se eu jogar, vou dar meu máximo em campo, vou fazer de tudo pra agradar o PC e a torcida! E quanto à volta do Ramon, se estiver bem, ele vai jogar, é claro, mas vou trabalhar pra sempre que surgir uma oportunidade eu estar bem e desempenhar um bom futebol. Jogar vai ser consequência do meu trabalho apresentado dentro de campo.

Pra encerrar, mande uma mensagem pra torcida. Se apresenta, o espaço é seu!

Bom, pessoal, se eu estiver em campo contra o Flamengo, prometo a vocês muita raça, muita vontade de vencer !

Ficha Técnica

http://2.bp.blogspot.com/_ttdpoNA8BUk/TMWV7UkdBJI/AAAAAAAADLo/ekZiYtHbw1Y/s1600/Diogo+Vasco.jpg

2 comentários:

  1. Todos Diogo e bom, Ate eu sou bom no Gol. Diogo e igual Ronaldo, todos jogam.

    ResponderExcluir
  2. Caramba pessoal do BOSNP, aonde vocês conseguiram entrevistar a nova revelação vascaína (rsrsrsrsrs)? De qualquer forma, a estreia do Diogo foi de luxo, afinal de contas, o adversário era o Flamerda. Para a galera recém-promovida do elenco profissional, o primeiro jogo é sempre o mais emocionante da carreira. E o bacana disso é que ele chorou bastante no vestiário depois da estreia no profissional, um bom indício de que ele será uma das promessas vascaínas que deram certo.

    Abraços e saudações vascaínas.

    Visitem, sigam e comentem os posts-
    http://torcidacrvg.blogspot.com

    ResponderExcluir