22 janeiro 2011

De novo Juninho... Novos capítulos vem aí


Saudações vascaínas, caros amigos leitores!

Pra quem achava que a novela "Projeto Juninho" havia terminado, tivemos uma bela surpresa hoje, durante o dia quando vimos a matéria na internet sobre a intenção de Roberto Dinamite em trazer Juninho Pernambucano em maio, quando acaba o contrato do jogador com o Al-Gharafa.

"Já conversei com o Juninho e, se ele voltar ao Brasil antes de encerrar a carreira, vai ser para jogar no Vasco. Apesar de ter propostas, ele não vai para outro clube”, afirma Roberto Dinamite. “É questão de dinheiro e parceiros".

O presidente do clube vem tratando do assunto pessoalmente e trata do caso com cautela. "Gera uma expectativa muito grande. Se falar muito, daqui a pouco vão dizer que o Roberto Dinamite prometeu. Eu não prometi nada. E a primeira coisa que o Juninho me pediu foi que não especulasse nem prometesse nada. Ele tem um contrato em vigor", explicou.

O fato é que o contrato de Juninho com o Al-Gharafa termina maio e pela idade de 35 anos, o jogador ainda não sabe se voltará a jogar no Brasil ou não. Pois como o próprio craque declarou em uma entrevista anteriormente, não sabe se conseguirá jogar em alto nível num futebol tão disputado como o futebol brasileiro. Pois Juninho avisou, que não quer voltar para o Vasco apenas por nome e sim para ter o rendimento que se espera de um jogador como Juninho e claro, dar o retorno ao investimento que seria feito pelo clube em sua contratação.

Esperamos que essa novela que já está se tornando uma série, inclusive com temporadas, possa ter um final feliz pois para o Vasco seria um negócio muito bom, tanto financeiramente quanto tecnicamente para o time. Afinal com Juninho, o Vasco resolveria um problema logo de cara: a ausência de um exímio batedor de faltas. Fora isso, seria uma ótima alternativa para o Vasco investir em marketing, desde camisas até arrecadação de novos sócios, além de ter possibilidades de trazer novos patrocinadores e investidores para o clube.

Sinceramente não me empolgo com a notícia, porém espero que não seja apenas mais um episódio desta novela que já está se tornando uma série, digna do Warner Channel, inclusive com temporadas já produzidas.

Abraços a todos, não esqueçam de comentar.

Marcio Cesar

E-mail: marciodreux@bol.com.br

10 comentários:

  1. Bom companheiro Márcio, acredito que exista uma possibilidade maior nesse exato momento. Inicialmente a resistência de Juninho era por conta de uma falta de projeto, um projeto que ele pudesse jogar menos jogos. Além disse, ele gosta de cumprir todos os seus contratos, é reconhecidamente um homem de palavra. Porém, o Vasco tem que se movimentar logo, pois, o dono do time em que está atualmente sabe da sua importância para o elenco. Mas acho que se mexerem as peças corretas... Dessa vez vai...

    ResponderExcluir
  2. Bom, espero que o Vasco possa apresentar um projeto que seja atraente para o Juninho e lhe dê confiança em voltar para o Brasil, pois a musculatura com 35 anos de idade não é a mesma de quando estava no Vasco e sem dúvid que o jogador irá sentir caso tenha que jogar 2 ou 3 jogos por semana.
    Acho que o fato de jogadores como Roberto Carlos, que estão jogando bem no Brasil possa motivar o Juninho a voltar para o clube, pois o Vasco só tem a ganhar com a sua contratação.

    ResponderExcluir
  3. Espero que realmente tenha um final feliz pro Vasco. É torcer pra tudo dar certo!
    Parabéns pela coluna!

    :*

    ResponderExcluir
  4. O projeto para a volta de Juninho já existe ha um bom tempo.. E este projeto ja foi apresentado anteriormente ao Juninho, nas outras investida que o Vasco fez para o seu retorno.
    Se ele não voltou até agora, não foi pela ausência de um projeto, foi simplesmente por que ele NÃO QUIS!
    Esse argumento de que "não vai render o que se espera", no meu entendimento, é desculpa boba.. Juninho sabe a qualidade que ele possui, e em todos os clubes que ele atuou, estando velho ou não, o cara manda bem.
    Gostaria muito que ele voltasse, mas essa novela J. Pernambucano e Vasco já deu muito o que falar, mas nenhum resultado.
    Portanto, mesmo querendo muito que ele retorne, acho que é o tipo de esperança que a torcida não deve ficar alimentando.
    Abs e Saudações Vascaínas!

    ResponderExcluir
  5. Sou suspeita, mas confesso que há cada materia a esperança reaparece!
    Como a esperança é a ultima q morre, não vou deixar de acreditar!

    Bjinssssss

    ResponderExcluir
  6. Minha pergunta é: Se pegar o investimento financeiro que querem fazer para trazer o Juninho e colocar meia dúzia de reais em cima não daria pra trazer um craque mais novo e com mais gás para dar ao Vascão??
    Esta história de repatriar antigos idolos e em fim de carreira é coisa de quem pensa pequeno e não no futuro.

    ResponderExcluir
  7. José Carlos (Vasco desde sempre!!!)22 de janeiro de 2011 11:51

    O melhor que a diretoria poderia fazer pelo Vasco seria trazer o Abelão...o elenco atual é bom. Mas com Mancinis, Gauchos e Gusmaos no comando, não há muito o que sonhar...

    Saudações Vascaínas!!!

    ResponderExcluir
  8. Acho que o Juninho ainda é útil para o nosso elenco. Ele pode muito bem revezar com o Felipe em algumas partidas, pois ambos não atuarão em todas e sabemos disso. Mas que fique bem claro que ele não é o único reforço que precisamos. A meu ver necessitamos de mais três além do Juninho: Segundo Volante, Meia-Direita e Centroavante.

    Além de um treinador como falou nossa amigo acima. Temos um bom time!

    ResponderExcluir
  9. Faaala, galera!

    Concordo com o Antônio e com o complemento do Carlos Gregório Junior. acredito que o Juninho tenha algo a somar ao nosso elenco, mas acho que pelo tamanho do investimento, a diretoria deveria focar em um centroavante ou técnico (supondo que o PC tenha até o fim da Taça Guanabara para mostrar um time produtivo, que é diferente do termo "competitivo" que ele tanto usa e que não tem dado resultado. Essa história de que o importante é competir é pra criança!).
    Dentre as carências Citadas pelo Carlos Gregório, na minha opinião, o segundo volante é apenas a terceira necessidade.
    Mas claro, eu respirei o Vasco entre meus 11 e 15 anos, entre 97 e 2001, cheguei a treinar num núcleo do Vasco na época e não dá pra deixar de sonhar com os destaques daqueles elencos que ainda atuam, como é o caso do Juninho e do Felipe.

    Um abraVASCO a todos!

    ResponderExcluir